O sol da justiça

Deus fez os dois grandes luminares: maior para governar o dia e o menor para governar à noite; fez também as estrelas (Gênesis 1.16).
Deus faz chover e raiar o sol que aquece os maus e bons (Mateus 5.45).
A sombra é para os abrigados na sombra do Onipotente (Salmos 91.1).
Mas para vocês que reverenciam o meu nome, o sol da justiça se levantará trazendo cura em suas asas. E vocês sairão e saltarão como bezerros soltos da estrebaria (Malaquias 4.2).
Sol da Justiça ilumina todos e a cobertura, proteção vem debaixo de suas penas e asas confiarás; a sua verdade será o teu escudo e broquel (Salmos 91.4). 
Figura de linguagem de uma ave que protege o seu filho debaixo de suas penas, asas. O filho encontra abrigo, companheirismo, sombra do pai. Protege contra aves de rapina - predadores, caçadores, bicos curvos, conhecidas como águia, falcão, gavião.
Broquel é a armadura de guerra, escudo pequeno para defender dos golpes do inimigo.




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ovelhas malhadas

Sacrifícios de tolo ou de justiça

A máscara caiu - Lucas 12.2