Elias prediz a grande seca


Então Elias, o tisbita, dos moradores de Gileade, disse a Acabe: vive o Senhor Deus de Israel, perante cuja face estou, que nestes anos nem orvalho nem chuva haverá, senão segundo a Palavra de Deus (1 Reis 17.1).
O rei Acabe, autoridade suprema de Israel, presidiu com Estado Confessional - adotou oficialmente determinada crença. Israel reconhece oficialmente o Judaísmo. Arábia Saudita é islamismo sunita.
Estado Laico significa que o presidente não interfere, imparcial. O Brasil, por exemplo, é um Estado Laico porque tem diversas religiões, crenças, templos...
Israel viveu um Estado Confessional porque Elias servia a Deus e o rei Acabe servia a Baal.
Elias pregava contra idolatria e a terra e o céu de bronze, seca, tempo fechado denunciava o pecado de idolatria em Israel.
Países que adoram imagens de esculturas vivem na seca. Região Nordeste, Brasil o povo adora São Pedro e São José, ídolos da chuva. Oxum deusa da fertilidade. África do Sul, ídolos, ocultismo.
Pai e mãe são autoridades dentro de casa para tirar imagens de esculturas. Pregar contra o pecado da idolatria e o seus filhos acatar com a ordem superior, Deus (Deuteronômio 6.7; Provérbios 22.6; 1 Timóteo 3.5). Mais importa obedecer a Deus do que aos homens (Atos 5.29).
Pedi ao Senhor chuva no tempo de chuva serôdia - chuva de primavera, sim, ao Senhor que faz relâmpagos; e lhes dará chuvas chuvas abundantes, e a cada erva no campo (Zacarias 10.1). Chuva temporã é chuva de outono.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ovelhas malhadas

Sacrifícios de tolo ou de justiça

A máscara caiu - Lucas 12.2