Suzane von Richthofen virou evangélica

Eu não vim para chamar os justos, mas sim, os pecadores ao arrependimento (Lucas 5.32).
Suzane von Richthofen matou seus pais dentro de casa, no quarto, dia 31 de outubro, 2002.
Seus pais não aceitaram o namoro de Suzane com Daniel Cravinhos que participou do crime doloso junto com seu irmão Cristian Cravinhos.
A convertida é apontada pelo seu passado e deseja virar pastora e testemunhar sua transformação em Deus.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ovelhas malhadas

Sacrifícios de tolo ou de justiça

A máscara caiu - Lucas 12.2